Artigos do Prof. Marins e textos dos programas de TV

Ajude sua vontade a ter mais força

ajude-sua-vontade-a-ter-mais-forca

Muitas pessoas me perguntam: como ter mais força de vontade? Ou ainda: como manter um propósito que fiz para mim mesmo?

 

Essa pergunta é feita quando nos sentimos frustrados ao ver que não conseguimos cumprir com os nossos propósitos de caminhar todas as manhãs ou de ler um bom livro (em vez de ficar assistindo televisão) ou mesmo voltar a estudar inglês ou ainda não assaltar a geladeira antes de ir para a cama, por exemplo. Como não desistir no meio do caminho? Como ter força de vontade para cumprir o que nos prometemos?

  

Estudos modernos do comportamento humano têm demonstrado que para mudar um hábito é preciso tornar o novo hábito fácil e o velho hábito difícil, alterando o “esforço inicial ou de entrada” por no mínimo 21 dias (é preciso repetir o mesmo comportamento no mínimo 21 dias, dizem os especialistas comportamentais, para que aquele comportamento comece a se tornar um hábito). As pessoas têm a tendência de desistir de fazer algo cujo esforço inicial seja apenas um pouco maior do que uma outra coisa que se apresente como de esforço inicial menor.

  

Assim, o conselho para quem deseja caminhar ou correr todas as manhãs é já deixar seu tênis com as meias dentro, ao lado da cama ou mesmo já dormir com a camiseta que irá utilizar na manhã seguinte. Para quem quer deixar de assistir televisão a noite e ler um bom livro, o conselho é tirar as baterias do controle remoto e colocá-las numa gaveta distante e deixar o livro já aberto sobre a poltrona de leitura. Para quem ataca a geladeira, o conselho é colocar o que deseja comer nos fundos da prateleira de baixo, atrás de outras coisas. E assim por diante.

  

Se ao acordar você já estiver com a camiseta e com o tênis pronto para ser calçado, o esforço inicial de buscar a camiseta no armário, pegar o tênis, etc. terá diminuído. Da mesma forma, se em vez de buscar as baterias ou ligar a TV no próprio aparelho o livro já estiver à mão, a probabilidade de pegar o livro será maior. O mesmo acontece com a dificuldade de pegar o doce no fundo da geladeira. Diminuindo o esforço inicial daquilo que quer fazer e dificultando o que não quer, você ajudará a sua vontade a ter mais força.

 

Sei que isto pode parecer uma grande bobagem, mas é o que os estudos mais modernos têm demonstrado. E vale a pena experimentar com você mesmo!

 

Pense nisso. Sucesso!

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais