Artigos do Prof. Marins e textos dos programas de TV

Pessoa física x Pessoa jurídica

Um dos grandes enganos que cometemos é de não nos darmos conta de que não existe cliente “pessoa jurídica”.  Todos os nossos clientes são “pessoas físicas” de carne e osso, com nome, endereço e CPF.
Veja bem o que quero dizer:
Não é a Empresa XYZ que é minha cliente, de fato, de verdade. É o Fulano ou Fulana de Tal, diretor ou diretora ou gerente ou alguma pessoa dessa empresa que é, de fato, a responsável, na Empresa XYZ, pela decisão de comprar de mim ou de minha empresa, de me contratar como prestador(a) de serviços.  Se ele ou ela – diretor ou diretora, gerente, supervisor(a), etc. – é a pessoa que me contrata e que tem o poder de comprar ou deixar de comprar de mim – é justamente ele ou ela que eu devo considerar como meu ou minha “cliente de fato”.  Pois se essa ou essas (às vezes mais de uma) pessoas físicas não me quiserem mais, eu perderei o cliente – a empresa XYZ.
Assim como minha empresa é um conjunto de pessoas físicas, que fabricam, que desenvolvem produtos e serviços, que vendem, prestam serviços, etc. também são “pessoas físicas” com corpo e alma, os meus clientes. Uma pessoa jurídica – uma empresa – é uma ficção jurídica. Ela não existe, de fato. Eu não falo com ela. Ela não assina contratos. Ela não assina cheques; não autoriza pagamentos.
Assim, não é a Empresa XYZ que eu devo encantar, surpreender e sim as pessoas que compõem essa empresa. É com o sucesso dessas pessoas que eu devo me comprometer. E igualmente, todas as pessoas da minha empresa devem conhecer quem são as pessoas da empresa, nossa cliente, as responsáveis pela nossa contratação, pelo nosso pagamento, pela renovação de nossos contratos, etc., pois são elas (as pessoas) que temos que surpreender e encantar com nossos produtos e serviços.
Será que nós, na nossa empresa, não estamos tentando agradar, surpreender, encantar “pessoas jurídicas” e estamos com a ilusão de que a Empresa XYZ é nossa cliente em vez de termos a consciência correta de que todos os nossos clientes são pessoas físicas?
Pense nisso. Sucesso

 

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais