Artigos do Prof. Marins e textos dos programas de TV

Prepare-se para sair do acostamento

Prepare-se para sair do acostamento

Luiz Marins

 

Todos os dias estou com clientes dos mais diversos setores da economia. Na minha atividade de consultor visito empresas quase diariamente e como antropólogo converso com as pessoas do chamado “chão de fábrica”, aquelas que participam da produção, bem como com as lideranças. O que estou sentindo é que a neblina da crise está começando a baixar e as empresas, que estavam paradas no acostamento, assustadas e desesperançadas, já começam a entrar em seus veículos e começar a querer dar a partida nos motores, se preparando para uma nova arrancada.

Como sempre explico, a palavra CRISE tem origem no grego e significa “peneira, separação”. Em tempos econômicos mais difíceis, a malha da peneira fica mais fina e só passa quem é realmente muito competente e bom. Daí a razão pela qual quando a crise diminui, quem passou pela peneira da crise sai melhor do que estava antes, pois se livrou de concorrentes ruins que não conseguiram passar.

A crise dá uma falta de perspectiva aos investidores e empresários. Perspectiva é visão de distância, de longo prazo. As coisas ficam embaçadas. Vemos uma neblina pela frente e não conseguimos caminhar, exatamente por falta de perspectiva. O que sinto agora é que essa neblina começa a baixar. Novos governos, nova esperança, nova perspectiva. Cansadas da longa crise, as empresas e pessoas não vêm outra alternativa a não ser acelerar para compensar o tempo em que ficaram paradas no acostamento.

Assim, meu conselho é que você, mesmo que não acredite que a neblina da crise está baixando, se prepare para sair do acostamento. Verifique como estão seu combustível, sua bateria, o óleo do seu motor, a pressão dos pneus e esteja preparado pois todos nós sabemos que quando a neblina baixar de vez, quem estava devagar vai acelerar muito e quem estava parado no acostamento vai sair com muita velocidade. Cuidado para não ser você aquela pessoa ou empresa a ficar parada, sozinha, no acostamento.

Pense nisso. Sucesso!

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais