Artigos do Prof. Marins e textos dos programas de TV

Acabe com o medo no ambiente de trabalho

ACABE COM O MEDO NO AMBIENTE DE TRABALHO

 

Luiz Marins

 

Administrar pelo medo nunca funcionou. E por incrível que possa parecer, ainda há patrões, diretores, gerente, supervisores que gerenciam pelo medo.

Uma empresa gerenciada pelo medo, onde as pessoas têm medo, não tem sucesso nos dias atuais, por várias razões. Em primeiro lugar, pessoas com medo não tentam, não criam, não inovam, pois o medo de errar as impede de inovar. Em segundo lugar, uma empresa gerenciada pelo medo não retém os melhores talentos. Pessoas talentosas, criativas, realmente competentes, não aceitam trabalhar por muito tempo em empresas desse tipo. Uma empresa gerenciada pelo medo manterá apenas pessoas com baixa auto-estima, que não acreditam encontrar outro lugar melhor para trabalhar. Em terceiro lugar, além de não reter os talentos, essas empresas não conseguem atrair talentos. Ninguém realmente bom quer trabalhar num lugar onde as pessoas sentem medo. E sem gente boa, talentosa, é impossível vencer num mercado competitivo. Em quarto lugar, numa empresa gerenciada pelo medo, as pessoas escondem a verdade, os problemas.

Essas empresas são formadas de bajuladores que só dizem “sim” por medo da punição. Sem saber o que realmente ocorre na empresa, os dirigentes tomam decisões cada vez mais equivocadas criando um círculo vicioso do fracasso empresarial.

Há pessoas que confundem medo com respeito. É claro que temos que ter uma empresa onde as pessoas se respeitem ao máximo. Confundir respeito com medo é muito comum. Chefes inseguros gerenciam pelo medo exatamente por temer que seus subordinados, com maior liberdade de pensamento e ação, percam o respeito por eles. Patrões, diretores, gerentes, supervisores realmente competentes não têm medo de subordinados criativos e inovadores. Pelo contrário, incentivam a liberdade para que a criatividade possa existir.

E quando um subordinado confundir liberdade com falta de respeito e lealdade, deve ser chamado a reconhecer o seu erro e até ser punido. Mas gerenciar pelo medo de forma “preventiva” é um erro injustificável.

Nesta semana, analise a sua gestão e a sua empresa.

Pense nisso. Boa Semana. Sucesso!

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais